Preciso fazer o novo emplacamento? Confira!

Preciso fazer o novo emplacamento? Confira!

A Placa Mercosul entrou em vigor desde o dia 31 de Janeiro de 2020 e muitos proprietários de veículos ficaram realmente na dúvida se deveriam efetuar um novo emplacamento ou não.

Neste artigo iremos explicar quem precisa realizar o novo emplacamento com o padrão Mercosul e apresentar todos os critérios e passos necessários para deixar seu veículo em dia!

Quem precisa trocar para a placa Mercosul?

No momento ainda não é obrigatório que todos os veículos troquem imediatamente para a placa Mercosul, essa transição será efetuada gradualmente e tem alguns critérios a serem considerados:

Veículos Novos: Os veículos novos e 0km já devem sair da concessionária com a placa padrão Mercosul.

Veículos em Circulação: Para os veículos que já estão em circulação existem alguns parâmetros que exigem a troca da placa cinza pela placa Mercosul.

  • Toda vez que um veículo trocar de Município/Estado;
  • Se as placas cinzas forem furtadas devem ser substituídas pela placa Mercosul;
  • Se as placas cinzas forem danificadas devem ser substituídas pela placa Mercosul;
  • Se o veículo mudar de categoria;

Obs: Em casos do rompimento do lacre da placa cinza ela também se enquadra como placa danificada, nesse caso é necessária realizar a substituição para a placa Mercosul.

Posso comprar a placa Mercosul para o meu veículo?

Sim, a legislação também permite a realização da troca voluntaria por parte do proprietário do veículo, ao realizar a troca haverá uma substituição automática do segundo caractere numérico do modelo placa cinza por uma letra, compondo assim a nova placa Mercosul do veículo.

Onde posso comprar a nova placa Mercosul?

Diferentemente da placa cinza, as novas placas Mercosul devem ser comercializadas diretamente das estampadoras para o consumidor, sem participação do Detran nesse processo. Caberá ao órgão apenas informar as empresas que são credenciadas para realizar o serviço e o consumidor poderá comprar de forma segura.

O Detran torna-se responsável apenas por fazer o registro do veículo e a emissão dos documentos, com os documentos em mãos o proprietário pode ir à estampadora e adquirir a placa Mercosul.

A Placa Mercosul é mais cara do que a Placa Cinza?

Por ser relativamente nova a placa ainda não possui um preço padrão estabelecido, os preços acabam por variar muito de região para região.

Cada estampador pode cobrar valores diferentes e o consumidor comprar naquele que mais se enquadre em suas condições.

Existe um certo boato que a Placa Mercosul seria muito mais cara do que a placa cinza, de fato, o projeto antigo da Placa Mercosul seria muito mais caro, porém foram feitas algumas mudanças no projeto e acredita-se que os preços serão os mesmos, podendo até mesmo tornar-se mais barata do que a placa cinza com o decorrer do tempo.

É bom atentar-se para todos os critérios citados no artigo e analisar se o seu veículo se enquadra em algum deles, o procedimento é simples e pode evitar que você leve qualquer tipo de multa administrativa referente a documentação do seu veículo.


Ficou com alguma dúvida a respeito do emplacamento? Entre em contato pelo nosso Whatsapp que te ajudaremos!

Siga a nossa página no Facebook para mais conteúdos como esse!

Esteja por dentro das novidades!

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn